Você está em: Home, Noticias

Notícias

30
NOV
Conab vende 100 mil sacas de cafés dos estoques oficiais

Venilson Ferreira
Globo Rural

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realiza na próxima terça-feira dois leilões de cafés dos estoques oficiais. Ao todo serão ofertadas 100.274 sacas de café da variedade arábica. No primeiro pregão serão leiloadas 1.315 sacas de cafés da safra 2008/09 depositadas no Espírito Santo.

O segundo pregão contará com a oferta de 101.288 sacas, sendo maior volume de Minas Gerais (44.212 sacas da safra 2002/2003), seguido do Paraná (24.269 sacas da safra 2009/2010), São Paulo (20.707 sacas da safra 2009/2010), Bahia (10.500 sacas da safra 2008/2009) e Goiás (1.600 sacas da safra 2009/2010).

A Conab divulgou hoje os preços de abertura dos leilões. A média para os cafés depositados no Espírito Santo é de R$ 399 por saca de 60 kg. Para o pregão seguinte a média geral ficou em R$ 514,66/saca, sendo o maior valor em São Paulo (R$ 525,92), seguido do Paraná (R$ 519,11), Goiás (R$ 511,66), Minas Gerais (R$ 511,51) e Bahia (R$ 505,09).

A posição dos estoques oficiais de café, a maioria adquirida por meio dos leilões de contratos de opções de vendam totaliza 1,572 milhão de sacas. O maior volume está estocado em Minas Gerais e soma 1,351 milhão de sacas, seguido do Paraná (29.865 sacas), Bahia (10.587 sacas), Goiás (1.606 sacas), e Espírito Santo (1.315 sacas).

Os leilões ocorrerão na modalidade “viva-voz” por meio do Sistema Eletrônico de Comercialização da Conab (SEC). Os interessados em participar precisam estar devidamente cadastrados na bolsa de mercadorias por meio da qual pretendam realizar a operação e estar em situação regular no Sistema de Registro e Controle de Inadimplentes da Conab (Sircoi).

Veja notícias

20
FEV

Milho e soja tem alta na primeira quinzena de fevereiro

19
FEV

Milho: Bolsa brasileira abre a semana com preços em alta

05
FEV

Ministra afirma que café será prioridade na agenda do Governo

15
JAN

Qualidade dos cafés brasileiros melhorou, diz pesquisa