Você está em: Home, Noticias

Notícias

13
AGO
Pepro de milho vai leiloar 1 milhão de toneladas do produto

Portal Brasil

No próximo dia 20 de agosto, será realizado um leilão de 1.050 toneladas de milho, segundo nota divulgada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) na sexta-feira (8).

O leilão é válido para a safra 2013/2014 e será realizado no âmbito do Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro).

O objetivo do procedimento de venda é atender avicultores, suinocultores, bovinocultores e suas cooperativas, indústrias de ração para avicultura e suinocultura de várias localidades.

Os lotes do produto, conforme o Aviso de Venda 117, estão distribuídos por diversas regiões de Mato Grosso, estado de onde deve partir o escoamento.

Preço

O preço do milho, para fins de preenchimento do Documento Confirmatório da Operação (DCO), será de R$ 0,226/kg para o estado do Mato Grosso e de R$ 0,2945/kg para os estados do Mato Grosso do Sul e de Goiás.

O arrematante, produtor rural ou cooperativa, só não pode escoar o produto para as regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste, com exceção dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e norte de Minas Gerais, além de Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia e Tocantins.

Pepro

O Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) é uma subvenção econômica concedida ao produtor rural, ou a sua cooperativa, para manter o preço mínimo de um produto agrícola.

O prêmio é pago ao produtor que esteja disposto a vender seu produto pela diferença entre o Valor de Referência (preço mínimo), estabelecido pelo governo federal, e o valor do Prêmio Equalizador arrematado em leilão.

Para participar, o interessado deve se dirigir a uma Bolsa de Cereais, de Mercadorias e/ou de Futuros e procurar um corretor, autorizando-o por escrito a fazer as negociações em seu nome. Somente os corretores credenciados pelas Bolsas poderão fazer lances para negociar o prêmio.

O corretor é o responsável por realizar o cadastro do cliente na Bolsa para a qual opera. Para tal, o profissional precisa comprovar o efetivo exercício de sua atividade.

Essa confirmação é feita por meio de Registro em Entidade de Classe, Registro no Incra, Declaração de Imposto de Renda ou outra comprovação legalmente reconhecida. Em troca dos serviços prestados, o corretor recebe uma comissão, que deve ser combinada previamente com o cliente.  

Veja notícias

11
MAR

Brasil vendeu mais soja essa semana

27
FEV

Produção de soja gera renda e melhoria no solo para renovação de canaviais

20
FEV

Milho e soja tem alta na primeira quinzena de fevereiro

19
FEV

Milho: Bolsa brasileira abre a semana com preços em alta