Você está em: Home, Noticias

Notícias

03
OUT
Criadores do CE sofrem com a falta de milho para alimentar os animais

Globo Rural

Juscelino Souza cria porcos em Russas, a 160 quilômetros de Fortaleza.

O milho para alimentar os animais é comprado na Conab a um preço mais baixo do que o de mercado através do programa do Governo Federalchamado 'venda em balcão'.

Os produtores e agricultores só podem comprar um número limitado de sacas de milho, que varia de acordo com a quantidade de animais. Juscelino, por mês, tem direito a 50 sacas, mas o estoque da Conab não atende a demanda. Há dois meses, Juscelino só consegue comprar 22.

Alguns produtores não estão conseguindo comprar uma saca de milho sequer, como Francisco Pereira, que cria bois e por causa da seca já perdeu alguns animais. Os que restaram estão sendo alimentados apenas com sorgo.

Nos próximos dias, 111 mil toneladas de milho devem chegar aos estados do Nordeste para abastecer os armazéns da Conab.

Os 35 mil agricultores cadastrados podem comprar as sacas de milho em 10 armazéns, mas de acordo com a Conab, todos estão afetados com a falta do alimento.

Veja notícias

11
MAR

Brasil vendeu mais soja essa semana

27
FEV

Produção de soja gera renda e melhoria no solo para renovação de canaviais

20
FEV

Milho e soja tem alta na primeira quinzena de fevereiro

19
FEV

Milho: Bolsa brasileira abre a semana com preços em alta