Você está em: Home, Noticias

Notícias

11
AGO
Supersafra de grãos aumenta

A CONAB - Companhia Nacional de Abastecimento divulgou na última quinta-feira (10) os números da 11ª e penúltima estimativa da safra atual de grãos 2016/17. A pesquisafoi realizada no período de 23 a 29 de julho em todas as regiões produtoras, quando foram consultadas diversas instituições e informantes cadastrados em todo o país.

 

O relatório apresenta um aumento de 27,7% ou 51,6 milhões de toneladas. A safra de grãos deve chegar a 238,2 milhões de toneladas frente as 186,6 milhões de toneladas da safra passada.

Foram responsáveis por esta supersafra, além de pequena ampliação de área em 4%, as condições do tempo favoráveis e o aumento da produtividade média de todas as culturas, à frente soja e milho, que tiveram alto nível de aplicação tecnológica. A produtividade média da leguminosa subiu de 2.870 para 3.362 kg/ha e a do milho total, de 4.178 para 5.563 kg/ha. A soma de todas as culturas pode chegar a 60,7 milhões de hectares, um pouco acima dos 58,3 milhões de ha da safra 2015/2016.

 

Soja

Em relação à soja, produção e área permanecem próximas ao do último levantamento. O crescimento da cultura deve ser de 19,5% e chegar a 114 milhões de toneladas, com ampliação de 2% na área plantada estimada em 33,9 milhões de hectares.

 

Milho

Já para o milho total, a produção deve alcançar 97,2 milhões de toneladas, 46,1% acimada safra 2015/2016. A previsão é de 30,5 milhões de toneladas para a primeira safra e de 66,7 milhões para a segunda. A área total deve alcançar 17,5 milhões de hectares, com um crescimento de 9,7%. Mais de 88% dos grãos produzidos no país se deve às duas culturas.

Feijão

No caso do feijão total, a produção deve atingir 3,4 milhões de toneladas, em uma área de 3,1 milhões de hectares. O primeira safra, que já está colhido, detém uma produção de 1,39 milhão de toneladas, resultado 34,3% superior ao produzido em 2015/2016. Já o da segunda safra, que também está finalizado, deve alcançar 1,22 milhão de toneladas. O feijão terceira safra deve produzir 750 mil toneladassendo 665 mil do tipo cores, 77 mil  do caupi e 7,9 mil toneladas do preto.

 

Algodão

Com relação ao algodão pluma, o crescimento é de 18,2%, podendo alcançar 1,5 milhão de toneladas, mesmo com a estimativa de queda de 1,7% na área cultivada.

Culturas de inverno

Está prevista a redução de 13,6% na área de trigo, estimada em 1,83 milhão de hectares contra 2,1 milhões de ha da safra passada. Com isso, a produção deve recuar 22,8% e chegar a 5,2 milhões de toneladas frente às 6,7 milhões de t de 2016. Ao contrário do trigo, a aveia eleva a área em 13,3%, podendo alcançar 330,4 mil hectares, com uma produção estimada em 846,8 mil toneladas.

Veja notícias

20
JUL

Café: Bolsa de Nova York avança mais de 100 pts nesta tarde de 6ª feira e reverte parte das perdas recentes

05
JUL

Recorde no volume exportado de soja em junho

27
JUN

SIT amplia abrangência em prol da agropecuária de Minas

23
JUN

Compradores de grãos do Brasil estão fora do mercado há 3 semanas, dizem operadores