Você está em: Home, Noticias

Notícias

10
MAR
Safra brasileira 2016/2017 de café arábica deve alcançar 51,8 mi de sacas, diz Rabobank

Estadão Conteúdo

O Rabobank apresentou nesta quarta-feira (9/3) suas projeções para a safra brasileira de café na atual e na próxima safra. A expectativa do banco é de que a produção em 2016/2017, que começa em julho, atinja 51,8 milhões de sacas de 60 kg. O número representa um crescimento de 2,6 milhões de sacas na comparação com a safra 2015/2016, projetada pelo banco em 49,2 milhões de sacas, 800 mil sacas abaixo projeção anterior.

O volume de 2016/2017 seria maior, caso secas e pragas não reduzissem a produção de robusta (conilon) no Espírito Santo, afirma o banco. É projetado um recuo de 3,9 milhões de sacas ante o ciclo anterior, para 12,6 milhões de sacas de robusta. A produção do café arábica, em compensação, deve registrar um incremento de 6,5 milhões de sacas, totalizando 39,2 milhões de sacas.

A projeção é inferior às expectativas do mercado, afirma o Rabobank. "É bem provável que as projeções resultem num aumento das nossas estimativas de preços (implicando volatilidade), salvo eventuais depreciações do real", explica o banco. Ao longo do último ano, o real enfraquecido sustentou um aumento das exportações brasileiras, enquanto pressionou a cotação dos contratos no mercado internacional.

A primeira estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) sobre a safra brasileira 2016/2017 prevê colheita de 49,13 milhões a 51,94 milhões de sacas (37,74 milhões a 39,87 milhões de sacas de arábica e 11,39 milhões a 12,08 milhões de sacas de conilon), representando crescimento de 13,6% a 20,1% em comparação com a produção de 43,24 milhões de sacas do ciclo anterior.

Veja notícias

11
MAR

Brasil vendeu mais soja essa semana

27
FEV

Produção de soja gera renda e melhoria no solo para renovação de canaviais

20
FEV

Milho e soja tem alta na primeira quinzena de fevereiro

19
FEV

Milho: Bolsa brasileira abre a semana com preços em alta